Telefônica decide marcar território e eleva oferta pela GVT

Numa decisão para demarcar território – nesta terça-feira, 03, houve reunião do conselho de acionistas da GVT e a empresa autorizou a compra por, no mínimo, R$ 48,00 por ação, a Telefônica envia nota oficial à CVM, nesta quarta-feira, 04, ampliando a sua oferta de R$ 48,00 para R$ 50,50, com isso o preço final do negócio pode ficar em R$ 6,95 bilhões. A Telefônica ainda precisa da anuência prévia da Anatel.

Veja a íntegra da nota oficial da Telefônica ao mercado:

O Conselho de Administração da Telesp aprovou o incremento do preço da oferta pública para a compra de 100% das ações da GVT para R$ 50,50 (cinquenta reais e cinquenta centavos) por ação, depois de analisar as avaliações efetuadas pelas instituições financeiras contratadas para a realização da oferta. Assim, o valor total da operação, no caso da aquisição de 100% das ações, será de 6,95 bilhões de Reais, ou seja, aproximadamente 2,7 bilhões de Euros.

A decisão do Conselho de Administração da Telesp ocorre um dia após resolução adotada pela Assembléia Geral de Acionistas da GVT, realizada em Curitiba, que decidiu pela eliminação dos mecanismos de proteção da dispersão da base acionária previstos nos estatutos da Companhia.O incremento de preço tem como objetivo corroborar o sucesso da realização da oferta, ao mesmo tempo em que demonstra a capacidade e reforça a intenção da Telesp em adquirir 100% das ações da GVT.

O novo preço foi baseado nas informações adicionais a respeito da GVT resultantes dos excelentes resultados por ela apresentados no terceiro trimestre deste ano. Estes resultados permitiram à Telesp confirmar suas perspectivas em relação aos fundamentos de longo prazo da GVT, tendo formado uma convicção ainda maior do potencial de geração de valor resultante da combinação das operações da GVT e da Telesp.

A decisão do Conselho de Administração da Telesp acima informada não altera os contornos jurídicos regulatórios da oferta. O Edital da oferta com a alteração no preço conforme acima informada será publicado amanhã nos jornais. A Telesp tem a convicção de que esta oferta resultará em benefícios para todos os acionistas da GVT que terão a oportunidade, em igualdade de condições, de vender a totalidade de suas ações, e que será positiva para os empregados e para a equipe de gestão da Companhia.

Related posts

Leave a Comment