[Computex 2009] All In One

Taipei / Taiwan – Há pouco mais de um par de décadas, na chamada ‘era do byte lascado’, afirmar que um computador um dia se converteria em um eletrodoméstico como qualquer outro soava como heresia. Pois um giro pelos corredores da Computex 2009 mostra que este dia chegou. E chegou com o computador transmutado em central de entretenimento. São os chamados ‘all in one PC’, ou AIO.

Na Computex 2009 eles estavam por toda parte. E, para provar que já se tornaram objetos corriqueiros, não eram encontrados apenas nos estandes dedicados especificamente ao tema, mas espalhados por toda a feira, usados para demonstrar outros produtos, como quaisquer computadores comuns.

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/computex-2009-all-in-one' filename='normal_aio_01.jpg']

Sua aparência é de uma televisão de porte médio. Tela plana do tipo largo (wide screen) quase sempre de alta definição (HD), se destaca pela beleza do design. Com poucos botões, são operados principalmente por controle remoto e não apenas reproduzem vídeo e áudio de CDs e DVDs como também capturam sinais de TV aberta ou a cabo.

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/computex-2009-all-in-one' filename='normal_aio_02.jpg']

Em geral são esbeltos. Percebe-se, pelo fator de forma, que quase todos derivam de computadores portáteis (notebooks) dos quais tomaram emprestado a placa-mãe, alimentação e a maioria dos componentes internos.

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/computex-2009-all-in-one' filename='normal_aio_03.jpg']

Como a função principal de um AIO acaba sendo (quase exclusivamente) ligada a áudio e vídeo, gravadores/reprodutores de CD/DVD (ou Blu Ray, nos modelos mais avançados) são essenciais. E em geral se encontram na lateral da unidade, como nos notebooks.

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/computex-2009-all-in-one' filename='normal_aio_04.jpg']

Como quase todos usam como principal dispositivo de entrada telas sensíveis ao toque (touch screen), teclados e mouses são opcionais. Alguns nem ao menos os oferecem. Os demais, quando oferecem, são quase sempre do tipo sem fio (wireless).

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/computex-2009-all-in-one' filename='normal_aio_05.jpg']

Os modelos, cores, formatos e tamanho são variados. Tem de tudo. O tamanho da tela varia bastante (há até alguns de tela gigante), mas sempre com uma coisa em comum: a alta definição.

É claro que há modelos e modelos, desde os mais sofisticados, concebidos desde a origem para enfeitarem sua sala de visitas até projetos quase improvisados.

Por exemplo: pode-se simplesmente pegar uma placa-mãe dessas comuns, para uso em micros de mesa (desktops)…

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/computex-2009-all-in-one' filename='normal_aio_06.jpg']

… montá-la na traseira de um monitor de tela plana …

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/computex-2009-all-in-one' filename='normal_aio_07.jpg']

… conectá-la a um desses conjuntos comuns de teclado e mouse sem fio…

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/computex-2009-all-in-one' filename='normal_aio_08.jpg']

… e apresentar tudo isso como um revolucionário centro de entretenimento AIO.

Afinal, tem gosto (e bolso) para tudo.

B.Piropo

NOTA: O material postado acima é de autoria do Mestre Piropo que está cobrindo a COMPUTEX com exclusividade para o FÓRUM PCs.

JTB

Related posts

Leave a Comment