Teles firmam cooperação técnica com a Justiça

O presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Gilmar Mendes assinou nesta terça-feira ( 04/08 ) termo de cooperação técnica que visa a redução de processos na de telefonia. Também foram firmados acordos com os segmentos bancário e tributário.

Na opinião do ministro, os acordos vão auxiliar nas estratégias de gestão para diminuição dos conflitos. O termo de cooperação foi firmado entre CNJ, Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Instituto de Defesa do Consumidor no DF(Procon DF), e as empresas operadoras de telefonia Claro, Americel, Tim, Tim Nordeste, Telefônica Telecomunicações de São Paulo,Telesp, e Nextel.

O convênio com as operadoras deverá dar mais celeridade ao julgamento dessas ações por meio de iniciativas conjuntas que levem à avaliação, por grupos de trabalho, da situação dos processos que envolvam as empresas do setor. A intenção também é reduzir a litigiosidade e promover conciliações das ações judiciais.

Postagens Relacionadas

Leave a Comment

error: Não pode ser copiado. Pode ser impresso e compartilhado.