Hitachi amarga um triste recorde.

As quedas nas operações com chips confirmaram a temida previsão de uma perda anual de 7,8 bilhões de dólares. Além de ser o pior resultado da Hitachi o prejuízo também registrou o triste recorde da maior perda já sofrida por um fabricante japonês.

A Hitachi sofreu prejuízo de 371 bilhões de ienes (4,13 bilhões de dólares) no trimestre encerrado em dezembro ante um lucro de 12,5 bilhões de ienes um ano antes. A companhia gerou 42 por cento de sua receita no exterior no trimestre passado. As vendas caíram 16 por cento, para 2,3 trilhões de ienes.

A Hitachi que fabrica desde panelas para se cozinhar arroz a reatores nucleares, confirmou sua expectativa de prejuízo líquido de 700 bilhões de ienes para o ano que se encerra em março.

O calcanhar de Aquiles da Hitachi é a afiliada de semicondutores Renesas Technology, da qual detém cinqüenta e cinco por cento e que sofreu duro golpe por conta da baixa demanda por chips aplicados em carros, TVs, câmeras e discos rígidos.

Postagens Relacionadas

Leave a Comment

error: Não pode ser copiado. Pode ser impresso e compartilhado.