YouTube volta a ser acessável na China

O YouTube voltou a ser acessável na China, após quatro dias de bloqueio, segundo comprovaram nesta sexta-feira (27) internautas em Pequim e em Xangai.

O governo chinês nunca reconheceu ter censurado o portal, mas, durante esta semana, a imprensa oficial e o porta-voz de Assuntos Exteriores lançaram duras críticas contra um vídeo colocado no YouTube mostrando supostas agressões da polícia chinesa contra tibetanos, nas revoltas em Lhasa do ano passado.

O porta-voz do Ministério de Exteriores, Qin Gang, reagiu duramente a este vídeo. Ele também afirmou que o regime comunista “não tem medo da internet”.

A pergunta que não quer calar: – Imagina se tivesse medo da internet? Como seria?

admin

Você e sua moto! Nós amamos motos!

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *