Transform entrou com mandado de busca e apreensão de tablets iPads vendidos na loja Fast Shop

Briga na justiça

Com a autorização da justiça, a empresa Transform entrou com mandado de busca e apreensão de tablets iPads vendidos na loja Fast Shop do Shopping Iguatemi na noite de ontem.

Segundo declarou ao Info OnLine, Mario Antonio Michelletti, presidente da companhia, o i-PAD (nessa grafia) deles se trata de um aparelho desfibrilador, o Intelligent Public Access Defibrillator.A pretende acionar todas as redes varejistas que iniciaram a comercialização do tablet da Apple no país. A partir dessa ação inicial, a Fast Shop tem cinco dias para se defender, e a Transform tem 30 dias para entrar com a ação final.

Segundo a empresa, foram cometidas duas irregularidades: 1- a empresa responsável por produzir o gadget (Apple) colocou a marca indevidamente e 2- as redes varejistas brasileiras, entre as quais a Fast Shop, iniciaram a venda de um produto em situação irregular, segundo a Transform.

A Transform afirma que notificou a Apple, mas que até o presente momento a empresa não deu a resposta.

Related posts

Leave a Comment