Os 10 anos dos 'Anos 00': Do Google AdWords ao Hulu

E já se passaram dez anos, desde a chegada do ano 2000, e neste tempo muita coisa mudou! Estava analisando as mudanças ocorridas nos primeiros dez anos dos ‘Anos 00’ e posso dizer que foram profundas.Revisitando a história escolhi alguns sites que merecem destaque. Parece que foi ontem, mas já se passaram dez anos. Por todo este mês uma série de matérias serão publicadas pelos nossos colunistas e redatores sobre o primeiro Decênio dos Anos 00(acho que dá para chamar assim). Aqui vai a primeira delas sobre alguns sites que, de certa forma, acredito eu, que, neste período mudaram o mundo e a forma como nos relacionamos com ele e a tecnologia.

Aqui um aparte : O que chamo de ‘Anos 00′(vou deixar esta definição para o mestre Piropo) é o período que iniciou em 1o. de Janeiro de 2000 e terminou em 31 de Dezembro de 2009 e junta o último ano do Século XX e os primeiros nove anos do Século XXI. Até hoje me lembro da festa da ‘falsa virada do Século’ quando todo mundo (ou a maioria) saudou a entrada do Seculo XXI no ano 2000, quando na realidade ainda seria em 2001. Toda a imprensa sabia disso e ninguém ousou acabar com a festa. Alguém lembra disso? Agora vamos aos fatos.

2000

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='logo.gif']

Depois de vencermos o ‘Bug do Milênio’, começam os vários avanços em todas as áreas, mas queria me deter em alguns sites. Em 2000 nascia o Google AdWords – um serviço da Google que consiste em anúncios em forma de links encontrados, principalmente, nos sites de busca relacionados às palavras-chave que o internauta procura. A ferramenta é uma forma de adquirir publicidade segmentada, baseada no sistema de custo por clique (CPC), custo por impressões (CPM) ou de custo por ação (CPA) independentemente de qual seja o seu orçamento. Os anúncios do AdWords são exibidos juntamente com os resultados de pesquisa no Google.

O nome Google foi escolhido por conta da expressão googol, que representa o número 1 seguido de 100 zeros, para demonstrar assim a imensidão da Web. A curiosidade é como aconteceu a descoberta: a expressão googol surgiu quando o matemático Edward Kasner questionou o seu sobrinho de 8 anos sobre a forma como ele descreveria um número grande… bem grande! O maior número que ele imaginasse. O pequeno Milton Sirotta soltou aresposta que depois de traduzida virou algo parecido com “googol”. Mais tarde, Kasner redefiniu para o googolplex.

O documentário do Biography Channel sobre os criadores do Google, mostra um acaso. Quando o primeiro investidor da empresa passou um cheque de 100 mil dólares perguntou em nome de quem deveria passar. Brin e Page disseram que seria “Googol” . O empresário escreveu como ouviu e saiu “Google”, obrigando que a empresa tivesse este nome.

2001

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='yahoo.jpg']

Neste ano acontece um fato que confirma como as coisas podem mudar na web de uma hora para outra. Os donos da Google tentaram vender a empresa a Yahoo! (na época o dono da bola) e estes recusaram a oferta. Hoje a agonizante Yahoo! tenta manter-se viva tentando tudo para não ser vendida a Microsoft. Em 1 de fevereiro de 2008, a Microsoft tentou comprar a Yahoo! por 44,6 bilhões de dólares, porém a Yahoo! rejeitou oficialmente a oferta dizendo que subestimava o valor da empresa no mercado.

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='logo-wikipedia.jpg']

Em 15 de janeiro de 2001, nascia a Wikipedia-a maior enciclopédia do mundo com 14 milhões de verbetes-usando o conceito ‘wiki’. O conceito wiki é formado por uma rede de páginas web contendo as mais diversas informações, que podem ser modificadas e ampliadas por qualquer pessoa através da web. Mas um fator distingue a Wikipédia de todas as outras enciclopédias: qualquer internauta pode modificar qualquer artigo, e cada leitor é um potencial colaborador do projeto. A enciclopédia, sem fins lucrativos, é gerida e operada pela Wikimedia Foundation. Os números da Wikipedia impressionam: Disponível em 268 idiomas ou dialetos com mais de 14 milhões de artigos, dos quais mais de 3,0 milhões de artigos são referentes à versão em língua inglesa (atualização de 2 de janeiro de 2010) e 533. 891 artigos na versão em língua portuguesa. O número total de páginas beira os 54 milhões.

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='logo_%281%29.gif']

Ainda em 2001 nasce uma idéia que viria a se transformar no maior fórum de informática da America Latina. O Fórum PCs apareceu definitivamente como site em meados de 2002. Segundo Paulo Couto, fundador, “era uma época que eu recebia centenas de e-mails por semana sobre artigos que havia publicado em algumas revistas. Vários desses e-mails continham as mesmas perguntas, e não estava sendo produtivo respondê-las individualmente. A melhor saída era criar um fórum e responder as questões online, de forma que todos pudessem se beneficiar do mesmo texto. Aos poucos outros colaboradores foram surgindo e mais leitores foram usando essa ferramenta como fonte de conhecimento.” E deu certo. Paulo Couto trabalhou na IBM por 10 anos antes de decidir seguir no campo do empreendedorismo de sites de conteúdo e informação. Hoje o Fórum PCs possui cerca de quatro milhões de visitantes únicos e mais de 300 mil usuários cadastrados que representam os mais diversos segmentos de usuários de internet.

2003

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='normal_myspace_logo~0.jpg']

Nasce o MySpace, a primeira rede social direcionada para o conteúdo musical. Em 14 de outubro de 2006 possuía 20 fóruns,300.000 tópicos nos fóruns principais do site, 3 milhões de postagens nos fóruns, 200.000 grupos, 60 milhões de postagens nos fóruns dos grupos,300.000 bandas/músicos no MySpace e mais de 202 milhões de perfis no MySpace ( 2007). Porém nesta mesma época começou seu declínio e, em 2008, perdeu lugar para o Facebook.

2004

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='normal_orkut-homepage-old-logo-devils-workshop.jpg']

Em 24 de janeiro de 2004 nasce o mais querido site de relacionamentos dos brasileiros-O Orkut. O Orkut é uma rede social filiada a Google, com o objetivo de ajudar seus membros a conhecer pessoas e manter relacionamentos. Seu nome é originado no projetista chefe, Orkut Büyükkokten, engenheiro turco do Google.

O alvo inicial do orkut era os Estados Unidos, mas a maioria dos usuários são brasileiros e indianos. No Brasil é a rede social preferida dos brasileiros, com mais de 23 milhões de usuários.Na Índia é o segundo site mais visitado. Expressões inusitadas começaram a aparecer entre os brasileiros por conta da ‘orkutimania’. Uma delas é ‘Cometer um orkuticídio’ que nada mais é do que excluir sua conta no sistema. O termo foi bastante usado pela imprensa brasileira. O orkut segue as tendências da web e agora incorporou ferramentas de promoção on line e um mini twitter.

O Orkut também foi o protagonista de uma batalha jurídica que ficou conhecida como a “Batalha de Orkut”. Até hoje não se tem explicação a respeito dos reais motivos que expliquem os procedimentos adotados pelo Google que geraram a ‘Batalha de Orkut’. Mas sabemos que a vitória da justiça e da sociedade brasileiras mostrou qual tipo de internet desejam os brasileiros e ela é exatamente a mesma que está descrita no pedido de desculpas emitido por comunicado da Google Brasil quando ela espera que o Orkut “continue sendo a comunidade segura, vibrante e valiosa atualmente desfrutada pela grande maioria de nossos usuários.” A batalha teve início em 2006 e só terminou em 2 de julho de 2008quando a SaferNet, uma ONG baiana, obteve uma impressionante vitória ao lado dos procuradores da República Sérgio Suiama e Adriana Scordamaglia. Depois de anos de muitas lutas, os procuradores conseguiram algo que parecia impossível. Foi a primeira vez que um provedor multinacional de internet admitiu cumprir integralmente as leis e decisões judiciais fora do seu país sede. A gigante Google, representada aqui pela Google Brasil, teve que abrir os dados de usuários do Orkut para combater diversos tipos de crimes e isso ajudou a muitas polícias do mundo inteiro.

2005

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='youtube_logo.jpg']

Era para ser apenas um site para postar vídeos de férias e passeios e virou um fenômeno da internet que não para de crescer. O domínio “YouTube.com” foi registrado em 15 de fevereiro de 2005 e o site foi desenvolvido alguns meses depois. O YouTube foi fundado por Chad Hurley, Steve Chen e Jawed Karim, que eram empregados da PayPal. Antes de trabalhar na PayPal, Hurley estudou design na Indiana University of Pennsylvania, e Chen e Karim estudaram ciência da computação na University of Illinois at Urbana-Champaign. Em 9 de outubro de 2006, foi anunciado que a companhia seria comprada pela Google por 1,65 bilhão de dólares. A aquisição do YouTube foi fechada em 13 de Novembro, e foi na época a segunda maior aquisição do Google. O Youtube hospeda mais de seis milhões de vídeos, e cresce cerca de 20% ao mês. Os vídeos ocupam mais de 45 terabytes de armazenamento-capacidade de aproximadamente 5 mil computadores usados em casa. Se você decidir assistir a todos os vídeos precisará ser um imortal, pois o total de tempo que será gasto para assistir a todos os vídeos do Youtube, desde que iniciou as atividades, é de cerca de 10.000 anos! Hoje ele é o segundo mecanismo de busca mais acessado do mundo e inaugurou uma febre que consolidou a força do vídeo na web.

2006

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='normal_facebooklogo.jpg']

Neste ano o Facebook abre a rede a secundaristas e transforma-se na maior rede aberta do mundo com 350 milhões de usuários. Mesmo tendo sido criado em 4 de fevereiro de 2004 o Facebook, fundado por Mark Zuckerberg, um ex-estudante de Harvard era restrita apenas aos estudantes do Harvard College. Em 27 de fevereiro de 2006, o Facebook passou a aceitar também estudantes secundaristas e algumas empresas. Um mês depois, em 28 de março, a revista BusinessWeek divulga que o Facebook estaria sendo negociado. O Facebook recusou uma oferta de $750 milhões, e estimou seu preço em $2 bilhões.

2007

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='twitter_logo-1-300x69.jpg']

Nasce o Twitter com a missão de substituir o SMS. Quem pensava que as pessoas não gostavam de aparecer e de dar satisfação das suas vidas é só ver o crescimento do Twitter – o SMS da internet registrou em novembro de 2008, cerca de quatro a cinco milhões de usuários. Em maio de 2009, um estudo analisou mais de 11 milhões e meio de contas de usuários e não pára de crescer. Em Fevereiro de 2009 o blog “Compete.com” colocou o Twitter em terceiro lugar como rede social mais usada depois do Facebook (primeiro lugar), seguido do MySpace(em segundo). Sites parecidos foram lançados mundo afora. Alguns oferecendo o serviço apenas para um país específico. De acordo com uma pesquisa realizada pela agência Bullet, a maioria (61%) dos usuários do Twitter no Brasil é composta por homens na faixa de 21 a 30 anos, solteiros, localizados nos estados São Paulo e Rio de Janeiro. São pessoas com ensino superior completo e renda mensal compreendida entre R$ 1001 e R$ 5000. Ainda segundo a pesquisa, esse público gasta cerca de 50h semanais conectados à Internet. Cerca de 60% são formadores de opinião.

2008

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='secondlife_logo.png']

Termina a fase áurea do Second Life. Durante dois anos foi o ‘xodó’ da mídia mundial com inúmeras reportagens e destaques a respeito do tema ‘vida paralela na internet’. Realmente, além de discussões, muitos casamentos acabaram em divórcio e até crimes foram cometidos por pessoas que acreditavam estarem sendo ‘traídas’. Aos poucos as pessoas foram perdendo o interesse. Agora o Second Life encontra-se em processo de extinção.

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='normal_baidu_japan.jpg']

Os chineses decidiram enfrentar os grandes buscadores com a Baidu, um buscador de músicas. A maior empresa de buscas via Internet da China, a Baidu.com detém cerca de 70% deste mercado na China e expandiu seus serviços em japonês para incluir buscas por blogs, com o intuito de aumentar ainda mais seus números na segunda maior economia do mundo. Cerca de 70 por cento dos internautas japoneses usam dois ou mais mecanismos de busca, e a Baidu tenciona inicialmente ser o segundo site consultado pelos usuários japoneses. Em outubro de 2009 o mecanismo de busca chinês Baidu saiu na frente do Google ao anunciar que seus serviços mais populares virão pré-instalados em todos os novos celulares da operadora local, a China Unicom.

2009

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='hulu_logo.jpg']

De olho nas irreversíveis tendências da web 2.0 as empresas Fox, NBC , ABC e mais recentemente a Disney uniram seus conteúdos em um único site-o Hulu.

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/os-10-anos-dos-anos-00-do-google-adwords-ao-hulu' filename='buscape_logo1.png']

Ainda em 2009 o grupo de mídia Naspers, da África, anunciou a compra de 91% do site brasileiro de comparações de preços BuscaPé, por US$ 342 milhões. O site foi fundado em 1999 pelos estudantes Romero Rodrigues, Rodrigo Borges, Ronaldo Takahashi e Mario Letelier. Começaram com 35 lojas cadastradas e até ser vendido registrava mais de 60 milhões de visitas por mês. O BuscaPé está presente em toda a América Latina e tinha a expectativa de encerrar 2009 com 600 mil lojas cadastradas. Foi o maior negócio de compra de site realizado até agora na web brasileira.

Enfim, como escrevi, muita coisa mudou desde o início dos Anos 00. O que mais poderá vir por ai? Quais serão as novas tendências? O que querem os novos usuários pelos próximos 10 anos? Quem sabe o seu desejo não se transformará em uma nova ordem mundial? Como sempre, como é de hábito por aqui, a palavra é toda sua.

admin

Você e sua moto! Nós amamos motos!

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *