EUA: Crackers roubam dados de mais de 8 milhões de pacientes

O site Wikileaks.orginformou que crackers invadiram uma base de dados do site do Estado da Virginia, bloquearam registros médicos de mais de 8 milhões de pacientes e pediram um resgate de US$ 10 milhões pelas informações. Os dados roubados eram usados por farmacêuticos para monitorar o abuso de drogas.

Uma mensagem foi deixada no lugar do conteúdo original e alertava que o banco de dados havia sido armazenado dentro de arquivo criptografado e protegido por senha. O site e outras páginas do Departamento de Saúde do Estado da Virginia continua inacessíveis.

O Wikileaks.org, que permite vazar documentos mantendo o anonimato, publicou uma cópia da nota de resgate.

admin

Você e sua moto! Nós amamos motos!

Você pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *