Celular: Mercado argentino cresce mais. Brasil é quarto.

O relatório do instituto de pesquisa americano mostrou ainda que a proporção do número de pessoas com telefone celular também cresceu, registrando um aumento médio de 24 pontos percentuais nos últimos cinco anos.

Os argentinos foram os que mais aumentaram o uso do celular na região, passando de 28% para 63%, um salto de 35 pontos percentuais. A tendência de ascensão foi seguida pelos bolivianos, com crescimento de 32 pontos percentuais.

No Brasil, 64% dos entrevistados disseram ter celular, um aumento de 28 pontos percentuais em relação a 2002, colocando o país na quarta posição entre os países latino-americanos analisados.

No âmbito mundial, a Rússia saiu na frente, onde 65% dos entrevistados disseram ter um celular, um aumento de 57 pontos percentuais.

O país com a menor taxa de crescimento foi a Itália, que desde a sondagem anterior continuou estagnada no índice de 79%.

Related posts

Leave a Comment