A Copa do Mundo vem aí, cheia de tecnologia!

E vem aí a Copa do Mundo da África do Sul 2010 que acontecerá de 11/06/2010 a 03/07/2010 e que continuará a ser o evento de maior audiência em todo mundo, maior até que as Olimpíadas, o que reflete a paixão do planeta pelo futebol. O maior evento esportivo do mundo será visto por bilhões de pessoas. Mas a Copa de 2010 vem com grandes novidades tecnológicas.

Para ter uma ideia do que vem por ai, estão previstas gravações dos jogos em 3D. Será a primeira Copa do Mundo coberta e comentada via Twitter. Só no International Broadcast Center (Centro de Imprensa) estarão reunidos jornalistas de 70 países acomodados em 75 mil metros quadrados de onde transmitirão os jogos para 204 países do mundo. São quase dois mil quilômetros de cabos (a mesma distância entre Porto Alegre e Rio de Janeiro) e mais de 32 câmeras.Os jogos serão transmitidos em vários idiomas diferentes, o que transformará o centro de imprensa numa grande Torre de Babel. Até a TV Al-Jazeera estará presente com um luxuoso estúdio.

Embora o número de turistas projetados para a Copa do Mundo da FIFA tenha caído de 483 mil para 373 mil, o torneio contribuirá para a manutenção de um total de 695 mil empregos, dos quais 280 mil no ano de 2010. Além disso, 174 mil postos de trabalho serão mantidos em função de todas as atividades econômicas no período. Estima-se que os estrangeiros acompanhem em média cinco jogos nos estádios, número maior que a anterior que foi de 3,4 jogos.

Uma das novidades anunciadas para esta copa será a apresentação de um resumo na língua internacional de sinais que será exibido logo após cada uma das 64 partidas da Copa do Mundo, pelo FIFA.com. Pela primeira vez, o site oficial da FIFA e da Copa do Mundo permitirá que surdos e pessoas com dificuldades auditivas acompanhem de forma mais detalhada o evento máximo do futebol mundial. Com isso a FIFA acrescentará ao seu público aproximadamente 70 milhões de pessoas no mundo todo, segundo a Federação Mundial de Surdos.

Odiada por uns e bem recebida por outros a bola da Copa do Mundo de 2010 (assista o vídeo) segundo a Adidas, fabricante, ela é formada por oito painéis tridimensionais que “resultam em uma esfera perfeita” (assista o vídeo) . A bola tem uma tecnologia chamada “Grip’n’Groove”, tratamento que faz com que ela não seja lisa ao tato por conta das muitas circunferências distribuídas pela superfície, o que proporciona, segundo a Adidas, mais estabilidade e maior precisão. Os atacantes gostaram, mas os goleiros, não. A Jabulani (nome da bola) foi desenvolvida em laboratório através de tecnologia de ponta. Por ser mais redonda do que as outras bolas os jogadores e os goleiros terão dificuldades para definir a trajetória da bola. Além do que ela é muito mais veloz do que uma bola comum. O criador da bola, o doutor Andy Harland diz que “não há nenhum segredo”. Para ele o design permitirá que os melhores jogadores do mundo “mostrem suas habilidades”.

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/a-copa-do-mundo-vem-ai-cheia-de-tecnologia' filename='normal_sky-3d-inglaterra-arsenal-manchester-united-1.jpg']

A Copa do Mundo 2010 terá inúmeros jogos gravados com a tecnologia 3D, e a empresa que será responsável pela gravação dos jogos da Copa em 3D é a Sony. As imagens em 3D dos jogos da Copa 2010 serão exibidas em eventos especiais realizados pela Fifa em diversos países e posteriormente serão vendidos a todos que desejem comprar os jogos da Copa em 3D.Mas existem outras novas tecnologias que serão apresentadas nesta Copa do Mundo de 2010. Os australianos criaram óculos especiais que gravam, através de uma micro-câmera instalada no acessório e que fica no rosto dos goleiros, todos os movimentos dos goleiros e o que eles viram, podendo depois analisar as trajetórias da polêmica bola do Mundial.Outra é a famosa chuteira lilás, que virou febre no Campeonato Brasileiro. Além dos inúmeros tipos de chuteiras que serão usados na Copa, um dos modelos da Elite Series da Nike, chega com algumas novidades. A cor laranja, segundo a Nike, auxilia na visão de seus companheiros de equipe, portanto, quem usa a chuteira receberá mais passes (será?). As travas da chuteira se ajustam ao campo, garantindo uma explosão maior e melhor desempenho. A anatomia, segundo os jogadores, é “perfeita” e se ajusta aos pés dos jogadores além de ser muito leve.

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/a-copa-do-mundo-vem-ai-cheia-de-tecnologia' filename='normal_nike_mercurial-679x357.jpg']

As camisas das seleções também trazem mudanças inovadoras. As camisas da Nike, utilizadas por Brasil, Portugal, EUA, Coréia do Sul, Nova Zelândia, Sérvia, Eslovênia e Austrália, além da já tradicional tecnologia Dri-Fit, é mais leve e também se ajusta ao corpo dos jogadores. Pessoas fora de forma ou em forma de pote não devem usá-la por questões de estética, caso deste missivista.O modelo da Adidas também se ajusta ao corpo e segundo a fabricante ‘evita a fadiga’(acho que essa eu compro). Feito com uma combinação que traz plásticos maleáveis e poliuretano, a promessa é que o atleta tenha o uniforme mais agarrado ao corpo, diminuindo assim a sua fadiga e o trabalho dos adversários que queiram agarrar o seu uniforme. A seleção Inglesa, vestida pela Umbro, terá uniformes feitos sob medida para cada jogador. A Puma também inovou com a tecnologia U.S.P. (Ultimate Sports Perfomance) que contém uma fibra exclusiva que mantém a temperatura do corpo do jogador a 37º C-frio, nem pensar!

[photoframe size=large desc='' align=center folder='wp-content/blogs.dir/33/files/a-copa-do-mundo-vem-ai-cheia-de-tecnologia' filename='not-20100128162144.jpg']

O Cape Town Stadium, com capacidade para 68 mil pessoas, possui um telhado que faz com que o barulho emitido dentro do estádio não seja propagado para fora dele.No campo entram os jogos em 3D. Essa é a maior e talvez a mais duvidosa novidade na transmissão dos jogos da Copa. Já estão inclusive sendo vendidos ingressos para salas de cinema aqui no Brasil para assistir a Copa através dessa tecnologia. Imagine a confusão dentro da sala de cinema… Será que alguém vai atender ao flanelinha? E o pessoal que tem mania de assistir ao jogo de pé? E vai poder levar cerveja?

E o polêmico chip na bola, mais uma vez fica para depois. Com ele seria possível monitorar se a bola entrou realmente, se saiu completamente e com isso acabar com aquela confusão do ‘entrou-ou-não?’, ‘foi-gol-ou-não?’. Mas a FIFA quer mesmo que a discussão vá para as ruas.

Os exames anti-dopping nesta Copa darão o resultado em trinta vezes menos tempo que os anteriores e serão cinco vezes mais sensíveis. Para os celulares a FIFA autorizou pela primeira vez que as imagens do Mundial-2010 cheguem a estes dispositivos portáteis e também para os computadores configurados para exibir jogos ao vivo, inclusive no Brasil. Para os ‘applemaníacos’ a BBC transmitirá as partidas ao vivo para o iPhone. Os jornalistas serão beneficiados com internet mais rápida e gratuita inclusive dentro dos estádios. Até o velho álbum de figurinhas teve, pela primeira vez, uma versão virtual.

Mas se você gosta de números curiosos para jogar nas mesas de bar, seguem alguns deles. A dica é anotar e aproveitar um dos ‘belos’ e ‘inteligentes’ comentários do Galvão Bueno para mostrar que você também entende de números quando se trata de futebol. O total de gols marcados em todas as edições da Copa do Mundo foi de 2063. Cerca de 53% dos gols foram marcados por apenas 10 países na história, sendo Brasil em primeiro (201) e Alemanha em segundo (195). O time mais velho é o de Dunga com 29 anos e 3 meses. A mais jovem é a equipe de Gana com a média de 24 anos e 9 meses. E pela segunda vez todas as seleções campeãs estarão no mesmo torneio. Para saber mais acesse As Seleções em Números . Uma dica de leitura para esta Copa é o livro-‘Futebol é uma caixinha de surpresas’, de Luis Fernando Bindi, Panda Books. Cheio de curiosidades o livro foi escrito por um geógrafo apaixonado por futebol e que também é o maior colecionador de emblemas de futebol do mundo.

E para finalizar, o matemático suíço Roger Kaufmann calcula que o Brasil tem 15,4% de chance de ganhar a Copa. A final seria contra a Espanha, que teria 15,2% de vencer. A Coréia do Norte é, segundo Kaufmann, a maior zebra, com 0,1%. Bom, mas mesmo com toda tecnologia e com toda a ciência aplicada nesta Copa do Mundo de 2010, ainda vale a afirmação dita pelo jornalista Benjamin Wright: – “Futebol é uma caixinha de surpresas!”. Vai que dá Coréia…

Related posts

Leave a Comment