UE aprova plano de combate à pedofilia e violência na Web

O Parlamento Europeu aprovou esta quarta-feira um programa de 55 milhões de euros que visa reforçar a proteção das crianças na Internet através do combate aos conteúdos violentos, pornografia infantil e ciberbullying. Válida entre 2009 e 2013, a proposta da Comissão Europeia, denominada “Safer Internet”, terá como alvo prioritário as redes sociais e as comunicações via celular.

O projeto prevê a criação de centros nacionais de contato e linhas telefônicas para denúncia dos conteúdos ilícitos disponíveis online, assim como sensibilizar o público em geral. Este plano substituirá o atual programa comunitário para uma Internet mais segura, que foi aprovado em 2005 com um orçamento de 45 milhões de euros e termina este ano. Um relatório divulgado pela Comissão Europeia revela que 74% das crianças entre os 12 e os 15 anos navegam na Internet pelo menos três horas por dia e praticamente todas já viram pornografia.

Postagens Relacionadas

Leave a Comment

error: Não pode ser copiado. Pode ser impresso e compartilhado.