Telefônica dispensará multa por cancelamento do Speedy

O Ministério Público Federal em São Paulo informou (03/07) que a Telefônica aceitou a recomendação do órgão de não cobrar pela rescisão de contratos do serviço de internet Speedy. A decisão entra em vigor a partir de segunda-feira (6) e é válida para contratos encerrados no prazo de até 90 dias.

O Procon-SP informa que abriu um canal específico para receber queixas relacionadas ao Speedy. Para isso basta visitar o site da entidade e preencher o formulário.

Os consumidores que quiserem poderão comparecer pessoalmente nos postos do Poupatempo, ou enviar suas solicitações por carta (Caixa Postal 3050, CEP: 01061-970/SP) ou pelo fax (011) 3824-0717, de 2ª a 6ª, das 10h às 16h.

Postagens Relacionadas

Leave a Comment

error: Não pode ser copiado. Pode ser impresso e compartilhado.