Tablets devem chegar a 19,5 milhões de unidades vendidas no mundo, em 2010

Os EUA representarão 61% das vendas este ano.

Uma pesquisa do Gartner revelou que os tablets devem chegar a 19,5 milhões de unidades vendidas no mundo, em 2010. Para 2011, a estimativa é de um crescimento de 181% sobre este ano, com um registro de 54,8 milhões de unidades vendidas. Em 2014,  os tablets devem chegar a 208 milhões de unidades vendidas mundialmente. Os EUA representarão 61% das vendas este ano. Até 2014, essa participação deve cair para 43%. Ainda este ano, os celulares e tablets com conexões Wi-Fi representarão 55% das vendas totais e, até 2014, os dois dispositivos, juntos, serão responsáveis por 80% das vendas totais.

Os netbooks devem perder faixa de mercado pois tudo indica que os tablets devem baixar para US$ 300 nos próximos dois anos. A previsão do Gartner é que quando o custo do tablet cair, o dispositivo será adicionado à lista de equipamentos que são compartilhados por toda a família, da mesma forma como já ocorre com os computadores, por exemplo.

 

O tablet deverá ser o terceiro dispositivo das pessoas, depois do smartphone e do notebook.

 

Postagens Relacionadas

Leave a Comment

error: Não pode ser copiado. Pode ser impresso e compartilhado.