Só cearense entende! Olha a marmota…

Peça a um cearense para traduzir...

Chico, cabra errado e bonequeiro, já melado depois de traçar um burrinho e duas meiotas, vinha penso, cambaleando, arrodiando um pé de pau , quando deu um trupicão que arrancou o chaboque do dedo.

– Diabeísso! – Vai, c… de cana! -mangou a mundiça que estava perto.

– Aí dento! – disse Chico

Chico estava ariado desde ontonti, quando o gato-réi que ele acunhava lá na baxa da égua, bateu fofo com ele pra ir engabelar um galalau estribado da Aldeota.

– É o que dá pelejar com canelau, catiroba, fulerage,  (pensava Chico) ganhei um chapéu de touro, mas não tem Zé não, aquela marmota tá mesmo só o buraco e a catinga. Dá é gastura.

Chegando em casa se empriquitou de vez e rebolou no mato todas as catrevage da letreca: uma alpercata, um gigolete amarelo queimado e uns pé de planta que ela tinha trazido enquanto iam se amancebar. Depois se empanzinou de sarrabui e panelada e foi dormir pensando nas comédias.

* se não conseguir entender, peça a um cearense pra traduzir.

Postagens Relacionadas

0 Thoughts to “Só cearense entende! Olha a marmota…”

  1. Daniel Martins

    Hahaha! Muito bom!

    Engraçado como o cearense adquire essa capacidade de tradução. Mesmo não falando nem 10% do que estava aí fui capaz de compreender 100% do texto.
    Peço licença para copiá-lo citando devidamente a fonte com link.

    Abraço

Leave a Comment

error: Não pode ser copiado. Pode ser impresso e compartilhado.