Privacidade: Autoridades exigem medidas em favor do "direito de ser esquecido"

Privacidade

Dos dois lados do Atlântico, autoridades estão avaliando a maneira pela qual empresas como Facebook e Google lidam com os dados pessoais dos usuários, enquanto preparam planos sobre como proteger os internautas e ao mesmo tempo garantir o crescimento da mídia social, serviços de buscas e outros produtos de Internet em rápida expansão.

No primeiro sinal do caminho que a Europa pode estar tomando com sua regulamentação das regras de privacidade, a União Europeia anunciou esta semana que os sites de redes sociais e serviços de buscas podem enfrentar processos judiciais caso deixem de obedecer as novas regras de proteção de privacidade europeias.

Nos termos de propostas que serão detalhadas nos próximos meses para a atualização das leis de proteção de dados pessoais adotadas 16 anos atrás, a Comissão Europeia quer forçar as empresas que retêm dados a permitir que os usuários os removam dos sites, definindo o conceito como “o direito de ser esquecido”.

As empresas também teriam de prover informações sobre que dados recolheram sobre os usuários, e quais foram os motivos para isso.

Postagens Relacionadas

Leave a Comment

error: Não pode ser copiado. Pode ser impresso e compartilhado.