Oscar foi marcado pelos aplicativos móveis

E tem gente que ainda nem sabe o que fazer na internet...

A ABC decidiu não ignorar a internet durante a cerimônia do Oscar, no domingo, mas ficou evidente que no próximo ano a rede televisiva e a Academia terão de investir mais pesado em aplicativos móveis.

CNN reuniu os apps que mais se destacariam ontem dentre os aparelhos Apple e Android. Se era possível unir todos, o usuário conseguia ser praticamente colocado na festa: acompanhava entrevistas, as celebridades no tapete vermelho, escolhia câmeras e podia até ganhar dinheiro com palpites.

Por US$ 0,99, o “Oscar Backstage Pass”, aplicativo oficial da Academia para iPod, iPhone e iPad, dava muito mais liberdade ao telespectador do que as imagens da ABC poderiam oferecer. Dezenas de pontos estavam disponíveis para o usuário escolher o que realmente queria assistir. Além disso, havia possibilidade de se dar palpites, ver notícias e até clipes das edições anteriores.

A Comcast criou o app “Live From Red Carpet”, para dispositivos Android e Apple. O foco, desta vez, era a cobertura da rede de entretenimento E!, com desfiles da elite de Hollywood, fotos, entrevistas etc. O mesmo aplicativo será atualizado para outros eventos, como Globo de Ouro, Grammy e Screen Actors Guild.

Havia ainda uma opção para os competitivos. Somente para usuários Apple, o “Awards Hero: Oscars Edition” custava US$ 0,99 e permitia que os usuários dessem seus palpites sobre os premiados e os postasse no Facebook. A AppEzzy, que criou o app, daria US$ 10 mil a quem acertasse mais.

O Android tinha um aplicativo de apostas também, o “Oscars Trivia Challenge”, que tinha vídeos e questões sobre curiosidades das edições anteriores para se responder, mas sem nenhuma premiação. Este custava US$ 2,99.

Postagens Relacionadas

Leave a Comment

error: Não pode ser copiado. Pode ser impresso e compartilhado.