Irã informa prisão de espiões que infectaram seus computadores

Irã acusa ocidente pelo ataque

O Irã comunicou sábado (2) que prendeu vários suspeitos de terem espalhado o worm que infectou e teria danificado os computadores ligados ao seu programa nuclear. A informação é do ministro da Inteligência, Heydar Moslehi.

Sr. Moslehi também disse à agência de notícias Mehr que o ministério tinha recuperado “domínio total” sobre os sistemas de computadores do governo o que freou qualquer ciberataques através de “serviços de espionagem do inimigo”.

O ataque

O Irã confirmou na semana passada que o Stuxnet, um programa malicioso atacou os computadores que controlam as plantas industriais usados em suas operações nucleares. Autoridades disseram que tinham sido encontrados nos computadores pessoais na central nuclear de Bushehr um gerador de energia que eles não acreditam ser uma ameaça real. Apesar disso não informaram se o tal programa malicioso tinha causado “graves prejuízos” aos sistemas de governo.

Embora as origens do vírus ainda permaneçam envoltas em mistério, especialistas em segurança de informática acreditam que possa ter sido criado por um governo com a intenção de sabotar o programa nuclear do Irã. Os Estados Unidos e Israel têm programas de ciberguerra e ambos os países têm procurado minar o programa de enriquecimento nuclear do Irã. O Irã tem retratado o worm como um ciberataque encomendado por potências ocidentais em conjunto com Israel destina-se a sabotar o programa nuclear do país, que o governo garante ser para fins pacíficos.

Postagens Relacionadas

0 Thoughts to “Irã informa prisão de espiões que infectaram seus computadores”

  1. […] This post was mentioned on Twitter by Luis Sucupira, Luis Sucupira. Luis Sucupira said: Irã informa prisão de espiões que infectaram seus computadores: http://wp.me/p15E0l-6Y […]

Leave a Comment

error: Não pode ser copiado. Pode ser impresso e compartilhado.