Ferramentas de mídia social, como o Twitter, podem alimentar o ativismo político?

O que você acha?

Na revista The New Yorker desta semana, Malcolm Gladwell faz uma crítica estimulante da noção de que as mídias sociais como Twitter e Facebook estão reinventando o ativismo após a repercussão que tomaram os protestos em MoldovaIrã no ano passado.

“As redes sociais são eficazes para aumentar a participação – por elevar o nível de motivação que a participação exige “,  escreve.

Ferramentas de mídia social como o Twitter podem nutrir ação política?

Quais são as suas limitações e como poderá mudar à medida que a mídia social madura? O que você acha?

Postagens Relacionadas

Leave a Comment

error: Não pode ser copiado. Pode ser impresso e compartilhado.